Contato

Seguir

©2019. Editora Dialética. All rights reserved.

Os psicopatas possuem várias faces, são seres incapazes de sentir qualquer emoção, ocultam com facilidade sua verdadeira personalidade, são manipuladores, insensíveis aos sentimentos alheios, extremamente inteligentes e sedutores, apreendem com o tempo a demonstrar reações para as vítimas, através de encenações, empregando-se mentiras, trapaças e de suas habilidades de sedução, para alcançar um único objetivo, a sua satisfação pessoal. É por esta razão que os operadores do direito enfrentam grandes dificuldades para resolver questões que envolvam psicopatas, principalmente, psicopatas homicidas, pois são frutos de estudos ligados à Psiquiatria. O presente livro tem como foco esclarecer qual é a sanção penal aplicada pelo Estado aos portadores de psicopatia, vislumbrando as seguintes possibilidades de punição no ordenamento jurídico brasileiro: se considerados imputáveis recebem pena privativa de liberdade; se considerados semi-imputáveis hipótese em que podem receber a aplicação da redução da pena prevista no artigo 26, parágrafo único, do Código Penal, ou a aplicação da medida de segurança; ou ainda, se considerados inimputáveis recebem medida de segurança.

Psicopatas homicidas: um estudo à luz do Sistema Penal Brasileiro

R$ 45,00Preço
  • Tatiane Moraes