Quem está por trás, ou a quem interessa o tema, atual e controverso, da elaboração e aplicação prática do novo currículo escolar em nosso país? Ao analisar e demonstrar as relações de efetividade de estudos do docente, futuro professor mediador em graduações, licenciaturas, em instituições de Ensino Superior, com seus fins específicos ao ensino-aprendizagem, e discentes no âmbito escolar básico, foram visitados autores com seus estudos e reflexões, cujo foco é a área da educação, ciência política e relações de poder sobre o currículo escolar, seus fins e benesses. Assim tornou-se possível encontrar resultados às demandas atuais do currículo básico nacional, especificamente no que se refere à efetividade de conhecimento, histórico e científico, adequado do profissional licenciado em Artes, o que impulsiona o ensino-aprendizagem de Artes no contexto escolar, proporcionando o chamado Processo Educativo Múltiplo. Em uma sociedade cada vez mais diversa, é necessária especialidade profissional em cada distinto saber, para que não haja combustão de saberes em benefício de políticas ideológicas escravizantes; e sim, que haja conhecimento de fatos e entendimento de saberes objetivando futura prática a somar à sociedade, e não regredi-la.

Legislação do ensino das Artes Visuais

R$ 50,00 Preço normal
R$ 29,90Preço promocional
  • Léia Pones Rubini

Amadeus Business Tower, Av. do Contorno, 6594 - 7º andar, sala 701 - Savassi, Belo Horizonte - MG, 30110-044

Seguir

©2020. Editora Dialética. All rights reserved.