Filiada à linha de pesquisa Discurso: Sujeito, História e Ideologia, este trabalho apresenta os resultados de uma investigação que, a partir da Análise do Discurso de linha francesa, busca compreender a forma pela qual o discurso acerca da diversidade regional do Brasil, presente nos Parâmetros Curriculares Nacionais, deriva e produz, no livro didático, o efeito de sentido de desigualdade, quer nas informações referentes aos aspectos físicos das regiões brasileiras, quer nas referências a seus aspectos culturais. O que se pretende com esta análise é observar a maneira como a formação ideológica do capitalismo constrói discursos que produzem efeitos de sentido pautados por uma concepção de escola voltada para o mercado de trabalho e para o que as obras didáticas consideram como desenvolvimento econômico da nação. Para desenvolver a pesquisa, foram constituídos como corpora de análise os documentos oficiais referentes aos Parâmetros Curriculares Nacionais e os livros didáticos correspondentes à disciplina de Geografia, relativos ao 7º ano do ensino fundamental, cuja escolha deveu-se ao posicionamento desta pesquisa de que este é, atualmente, um dos principais instrumentos de apoio ao professor, utilizado como fonte de pesquisa em sala de aula mediando o processo de ensino-aprendizagem. É a partir deles, de seus textos e de suas ilustrações, que serão descritas as marcas da deriva do discurso para, com isso, analisar como se dá a relação entre escola e ideologia a partir do funcionamento do discurso pedagógico, buscando refletir sobre as condições de produção do discurso enquanto parte constitutiva da relação sujeito/linguagem na produção e circulação de sentidos. O trabalho será desenvolvido através da perspectiva teórica e metodológica da Análise do Discurso fundada por Michel Pêcheux, que compreende o discurso como um objeto sócio-histórico. Para que se fundamente a reflexão, haverá um diálogo com os trabalhos de Marx e Althusser a respeito do materialismo histórico e do funcionamento da Ideologia. Ainda em Althusser, servirá de apoio sua reflexão sobre Aparelho Ideológico de Estado – tomando a escola como o lugar de luta de classes. O que se espera com esta pesquisa é que, através da análise do discurso dos Parâmetros Curriculares Nacionais e dos livros didáticos de Geografia, e a divulgação de seus resultados, se desenvolvam críticas que possam contribuir para o debate sobre o caráter ideológico dos livros didáticos e da escola de modo geral.

Da diversidade à desigualdade

R$ 60,00 Preço normal
R$ 39,90Preço promocional
  • Fabrisa Leite Barroso da Silva.

Amadeus Business Tower, Av. do Contorno, 6594 - 7º andar, sala 701 - Savassi, Belo Horizonte - MG, 30110-044

Seguir

©2020. Editora Dialética. All rights reserved.