Acredito que muitos assim como eu, muita das vezes já sentiu vontade de conhecer, de fato o que a as Escrituras relatam. Sobre povos, tribos e nações; quais eram seus costumes, como viviam nos tempos mais primitivos de suas épocas, nosso objetivo neste livro e trazer as informações sobre o dizimo, pois , quando estudamos a respeito de Deus, logo percebemos que nada que está nas Escrituras, estão por vontade humana, sim, pela vontade de Deus, por isso buscamos algumas informações em outros escritos de mestres, conhecedores do hebraico para corrobora aquilo que já acreditávamos, e por isso viajamos e fomos até Gênesis Capitulo quatro e vimos pela primeira vez na escrituras os homens fazendo sacrifício, por mais que os sábios judeus dizem que Adão já praticava o sacrifício, mais, as Escrituras não registram então, por isso! Procuramos informações precisas sobre este sacrifício, e vemos que se tratava de um ‘’Korban’’ no hebraico indica “sacrifício”, mas alude a clara ideia de: “DESISTIR DE ALGO PARA OUTRA PESSOA ”. Sim… “Sacrifício” significa desistir de algo para outra pessoa. O que o hebraico que nos ensinar que Korban, tem muitos significados profundos, como ‘’aproximar-se’’. Ela é derivada da raiz ‘’karev’’ que significa ‘’aproximar’’. Fica claro e evidente que o propósito só sacrifício e ganhar intimidade com a Divindade, lhe oferecendo um presente, dentro deste prisma vamos viajar dento da cultura dos povos, e ver os homens fazendo sacrifícios as suas divindades, pois, desde que o homem cometeu o primeiro pecado e se afastou do seu Criador ele busca dento da religião uma forma de se reaproxima de seu Criador, por isso cada dia surge mais uma religião. E os homens seguem estes caminhos para tentar reencontrar seu Criador, chegamos no capitulo doze de Gênesis e encontramos Abraão. Aquele que seria o pai do povo judeu e de todos que servem a Deus pelo meio da fé, e procuramos descortinar o assunto do Dizimo de Abraão e do misterioso Melquisedeque, Dizimo-Maaser, traz cinco capítulos, sobre Dizimo, por que o homem tem que dizimar? Se muitos dizem que o Dizimo e um mandamento da Torá, eu fui claro em dizer que nunca existiu Dizimo da Lei, e você saberá porque, tirando a dúvida do porque o Nt, se cala a respeito do Dizimo, se a igreja está com a responsabilidade de continuar a evangelização mundial, pois e preciso se entender, qual a missão de Israel e qual a missão da Igreja, e sabemos que foi o próprio Jesus que disse: “ digno é o trabalhador do seu salário ‘’ (Lc 10.7), então, podemos ver que a Igreja de Cristo tem uma missão dada pelo próprio Jesus, não podemos perder a visão que Deus nos deu. Dizimo-Maaser, traz cinco capítulos, que até então, eram muitos polêmicos, começamos com o Dizimo na Religião, e terminamos com o Dizimo na Igreja, vamos poder ver claramente que para tudo tem seu tempo determinado, isso se falar do propósito humano, e não dos propósitos divinos, vamos voltar aos princípios, pois Deus trabalha com princípios, vamos aprender princípios perpétuos, quis tem tempo para terminar, pois, a princípios perpétuos que estão vinculado ao tempo do homem, mais há princípios perpétuos que estão vinculado totalmente ao Eterno. D.Jesus

Dízimo-Maaser: reconhecendo a verdadeira fonte

R$ 60,00 Preço normal
R$ 39,90Preço promocional
  • Missionário D. Jesus

Amadeus Business Tower, Av. do Contorno, 6594 - 7º andar, sala 701 - Savassi, Belo Horizonte - MG, 30110-044

Seguir

©2020. Editora Dialética. All rights reserved.